Novos vereadores do Recife tomam posse hoje



A posse dos novos vereadores da Câmara Municipal do Recife, que estava programada para a manhã da última sexta-feira, acontece nesta segunda (4), durante a reunião que tem início às 15h, no plenário da Casa de José Mariano. Quatro nomes vão ocupar as vagas deixadas por parlamentares que foram eleitos deputados. 

João da Costa (PT), assume a vaga de Marília Arraes (PT), que segue para Brasília para cumprir o mandato de deputada federal; Goretti Queiroz (PSC), Samuel Salazar (PRTB) e Wilton Brito (PP), ficam nos lugares dos deputados estaduais eleitos, Wanderson Florêncio (PSC), Marco Aurélio Medeiros (PRTB) e Romero Albuquerque (PP), respectivamente. 

Ex-prefeito e secretário do Recife, João da Costa, relembrou a sua história política na capital pernambucana e garantiu que, em seu mandato, defenderá a luta pela democracia."Nós vamos investir muito em um mandato de vereador que tenha a participação de movimentos, de setores sociais e de temáticas que são importantes para a maioria da população. Vamos não só procurar os que nos apoiaram ou que nos elegeram, mas quem queira discutir os principais problemas da cidade do Recife", afirmou. "A gente tem uma preocupação muito grande de resgatar a credibilidade da política", complementou o petista. 

Wilton Brito, por sua vez, promete dar continuidade ao trabalho realizado em seu mandato anterior, sobretudo para a "comunidade do Ibura", local em que, de acordo com ele, teve uma votação expressiva. "A gente atuou bastante na comunidade do Ibura, principalmente voltado para as questões sociais e ações da própria comunidade. Vou seguir essa linha de trabalho", disse o progressista. 

A ativista da causa animal, Goretti Queiroz (foto) garante que vai defender essa bandeira no legislativo municipal e que também direcionará a sua atuação para a defesa da mulher e das minorias. "A gente tem um histórico na causa animal, então um dos focos é a causa animal e o meio ambiente", reforçou. De acordo com ela, o seu mandato será colaborativo e nos próximos dias será lançado o fórum Coletivo Animal para convidar as pessoas que se identificam com a causa a participarem da construção de projetos e ideias. 

Já Samuel Salazar, pondera que não tem uma pauta específica, mas que também estará à disposição da sociedade. "Sou advogado e extremamente disponível. Eu não sou vereador de um bairro, eu sou vereador da cidade. Naturalmente uma pauta ou outra eu vou me identificar", ressaltou. Salazar afirmou, ainda, que pode assumir a Comissão de Legislação e Justiça. Ele pretende apresentar projetos que "contribuam para a melhoria das relações" entre o poder público e o cidadão. "Sou vereador para legislar e fiscalizar em prol da sociedade", pontuou.

Por Luiza Alencar (FP)

Nenhum comentário