Catarinense cria filtro para bueiros de rua não entupirem


Um problema crônico das grandes cidades brasileiras atualmente é a má escoação de água da chuva para a rede de esgoto.

A vazão da água não acontece como deveria porque a água leva o lixo descartado nas vias direto para os bueiros. Com o entupimento dos canais de escoamento, ocorrem os alagamentos de ruas, casas e estabelecimentos comerciais.

Diante desse problema, Tiago dos Santos, morador de Blumenau, Santa Catarina, desenvolveu uma tecnologia capaz de filtrar o lixo levado pela água da chuva até a rede de esgoto, evitando o entupimento dos canais.



Essa era uma questão que o incomodava profundamente toda vez que chovia na cidade. Ele é sócio de uma empresa de molduras.

Próximo ao estabelecimento, toda vez que há uma chuva forte, o bueiro da rua entope (com o excesso de lixo) e alaga a rua e as lojas próximas, inclusive a dele.

De modo a mudar essa realidade, Tiago buscou alternativas e logo descobriu que um modelo semelhante ao que imaginou já estava sendo desenvolvido fora do país.

Trata-se de um sistema simples: um equipamento que funciona como um filtro deixa a água passar, porém retém todos os objetos sólidos, inclusive os mais pequenos. Desta forma, o lixo fica, enquanto a água é totalmente escoada pelos bueiros.

O catarinense trabalhou então para tirar o projeto do papel, instalando como exemplo o primeiro bueiro com filtro em frente à sua empresa.


Tiago também deixou um bilhete com os dizeres “A água passa, o lixo fica e o rio agradece” com a intenção de conscientizar aqueles que passam pela rua, e quem sabe, conquistar clientes que desejam instalar um filtro semelhante na rua de suas casas ou comércios.

Com a repercussão positiva de sua iniciativa, setores do poder público se mostraram interessados em discutir possíveis alternativas para implementar filtros semelhantes em Blumenau e outras cidades.

Do RPA

Nenhum comentário