Últimas Notícias

Cinema de Luto com a morte do ator Burt Reynolds


Burt Reynolds, prolífico ator que já trabalhou em filmes como Golpe Baixo, Agarra-me se Puderes e Boogie Nights: Prazer Sem Limites, morreu aos 82 anos, na manhã desta quinta-feira (06), no hospital Jupiter Medical, na Flórida. A notícia foi dada pelo seu agente, Erik Kritzer (via THR).

Reynolds era famoso pelo seu carisma em muitos filmes de ação, nos quais geralmente fazia suas próprias cenas de ação, sem dublês. Além disso, o ator trabalhou em inúmeras comédias românticas, como Encontros e Desencontros, A Melhor Casa Suspeita do Texas e Meus Problemas com as Mulheres.


O ator foi o ator mais bem pago de Hollywood de 1978 a 1982 e foi indicado ao Oscar de Melhor Ator Coadjuvante em 1998, por Boogie Nights: Prazer Sem Limites, no qual interpretou Jack Horner.

Recentemente, o ator esteve envolvido com o mais novo filme de Quentin Tarantino, Once Upon a Time in Hollywood, no qual interpretaria George Spahn. Não sabemos se suas cenas chegaram a ser filmadas.

Sua longeva carreira inclui mais de 180 papéis, tanto em filmes, quanto em séries de televisão.

Mesmo com altos e baixos, Burt Reynolds parece não ter deixado arrependimentos, como deixou claro no parágrafo final de seu livro de memórias:

“Sei que estou velho, mas me sinto jovem. E tem uma coisa que ninguém pode tirar de mim: ninguém se divertiu mais do que eu”.

Do Observatório do Cinema

Nenhum comentário