Últimas Notícias

Google lança app para pais controlarem smartphones dos filhos


Impor restrições quanto ao conteúdo que as crianças consomem na internet é um tema recorrente e principal tópico de inúmeras discussões relacionadas. O controle parental, mesmo quando a classificação de faixa etária é demarcada, não é um aspecto fácil; afinal, a internet é, como muitos dizem, uma terra de ninguém, muito embora existam muitas criações voltadas à educação que transformam a navegação pelo ambiente digital em um tempo útil.

Pensando nisso, uma parceria entre equipes de engenheiros da Google no Brasil, localizados em Belo Horizonte, e dos Estados Unidos, sediados no estado da Califórnia, uniram forças para criar o Family Link. O aplicativo em questão está fase de testes desde setembro do último ano, mas só nesta quarta-feira (28) é que começou a ser disponibilizado.

O app é voltado aos pais, pois serão eles quem definirão as regras digitais para seus dependentes menores de idade. Assim que o software for instalado em um aparelho Android, o responsável deverá criar uma conta Google para a família, e, em seguida, será preciso configurar esta conta nos smartphones dos filhos.

Desta forma, poderão ser gerenciados os seguintes recursos:

Aplicativos que as crianças terão direto a usar: os pais terão controle e poderão aprovar ou bloquear download de apps que os menores baixam na Google Play Store

Tempo de uso: o usuário poderá visualizar quanto tempo as crianças passam usando o dispositivo e os devidos aplicativos instalados, através de relatórios de atividade semanais ou mensais. Assim sendo, os pais terão liberdade para limitar diariamente o uso dos aparelhos, caso queiram

Hora que o aplicativo entra em Sleep Mode: os responsáveis também poderão definir a hora que o dispositivo entre no modo dormir, bloqueando remotamente o smartphone da criança na hora em que esta precisar brincar, estudar ou dormir.


Configuração do Family Link

Antes de prosseguir para o download do aplicativo e configurar a conta de uma criança, é recomendado verificar se o dispositivo móvel, seja este Android ou iPhone, é compatível com o software.
Também é necessário verificar se existe uma Conta do Google criada para que esta seja gerenciada no Family Link, e se há uma Conta do Google particular já existente.

Vale ainda relembrar que, na maioria dos países, os usuários com mais de 13 anos conseguem criar a própria Conta do Google. Crianças com idade inferior a 13 anos precisam de consentimento dos pais para criar uma conta do Google.

O Family Link para crianças é compatível com todos os dispositivos móveis que possuem Android versão Nougat 7.0 ou superior instalado. Caso a versão do sistema operacional seja Marshmallow 6.0 ou superior, o aplicativo é suportado apenas pelos seguintes aparelhos: Alcatel Dawn, Alcatel Fierce 4, Alcatel Pixi Unite, LG K3, LG Stylo 2 Plus, LG X Power, Samsung Galaxy Luna, Samsung Galaxy Tab A e Sony Xperia X.

Já os pais podem executar o Family Link em dispositivos com Android KitKat (4.4) ou superior e em iPhones com o iOS 9 ou superior.

Lançamento gradativo

Apesar de ter sido desenvolvido por uma equipe brasileira da Google em parceria com um time americano de engenheiros, o aplicativo ainda não está disponível para todos no Brasil. Por enquanto, o download do Family Link pode ser feito apenas na Austrália, no Canadá, na Irlanda, na Nova Zelândia, no Reino Unido e nos Estados Unidos. Mas a Google já anunciou que a chegada do aplicativo por aqui será liberada em breve na Google Play e App Store.

(Por Jéssica Pinheiro)

Nenhum comentário